sábado, 20 de maio de 2017

Palestra sobre a Situação da Petros - Maio de 2017

Prezados participantes e assistidos da Petros,

No início desse mês de maio de 2017, iniciamos uma série de palestras que serão realizadas em todo o país nas entidades ligadas à Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) e à Federação Nacional das Associações de Aposentados, Pensionistas e Anistiados do Sistema Petrobrás e Petros (FENASPE).

As palestras tratam das demonstrações contábeis do exercício 2016 e do parecer do Conselho Fiscal a respeito. É a 14ª vez que as contas anuais da Petros são rejeitadas pelo Conselho Fiscal. Nos últimos quatro anos, a recomendação de rejeição é feita por unanimidade.

Essa recomendação unânime de rejeição das Demonstrações Contábeis da Petros feita nos últimos quatro anos pelo Conselho Fiscal é relevante e foi um dos elementos pelo qual o relatório 20-F de informações da Petrobrás à SEC (órgão similar a Comissão de Valores Mobiliários nos EUA) citou que existe inconsistência no passivo atuarial da Petros.

Esse apontamento, que já é repetidamente apontado nas manifestações do Conselho Fiscal da Petros é novamente um dos motivos da recomendação unânime de rejeição das contas da Fundação pelo seu Conselho Fiscal.
Para quem não puder participar das reuniões em sua entidade de classe, sindicato ou associação de aposentados, estamos disponibilizando a gravação da Palestra promovida pela Associação dos Engenheiros da Petrobrás (AEPET) realizada no dia 02/05/2017, no auditório do Clube de Engenharia do Rio de Janeiro (clique aqui para assistir).

A gravação dura em torno de uma hora, mas é indispensável para compreensão dos principais problemas da Petros e a linha de atuação dos conselheiros eleitos que mantém a independência dos governos e dos partidos políticos.
Forte abraço,
Ronaldo Tedesco
Conselheiro eleito pelos participantes Gestão 2013/2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário