quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Palestra dos Pós 82 Lota Auditório do Clube de Engenharia

O tema Fim do Teto de Contribuição para os participantes que entraram na PETROS após 1982 (os Pós 82) fez lotar o auditório do Clube de Engenharia na tarde de quinta-feira, no Rio de Janeiro.

Mais de 150 pessoas saíram de seus locais de trabalho no final do dia para debater esta questão com os Conselheiros eleitos da Petros Paulo Brandão, Sílvio Sinedino e Ronaldo Tedesco.



"Os presentes puderam verificar os cálculos atuariais da amostragem levantada por nós e que reafirmam a viabilidade e a justeza da proposta apresentada pelos conselheiros deliberativos", afirmou Sinedino, membro do Conselho Fiscal eleito pelos participantes da PETROS e coordenador da mobilização dos Pós 82.

"O limite de contribuição atinge cerca de 27 mil participantes da PETROS, que entraram na Petros após 1982 e antes de 2002. A legislação que o sustentava já foi revogada desde 2004. Nossa proposta é uma saída viável, legal, legítima e justa para este contingente de participantes. Estes companheiros podem ter esta conquista assegurada por uma decisão do Conselho Deliberativo da PETROS aprovando a nossa proposta", disse Paulo Brandão, Conselheiro Deliberativo Eleito da PETROS e idealizador da proposta em debate.

"Como percepção do encontro, queremos que os presentes saiam daqui com o firme propósito de divulgar a proposta e ganhar novos participantes para esta luta. Só assim poderemos superar os obstáculos para aprovar o fim deste limite", complementou Ronaldo Tedesco, membro do Conselho Deliberativo da PETROS, eleito pelos participantes.

O documento dos Conselheiros Deliberativos Eleitos pelos participantes já foi despachado pelo Presidente do Conselho Deliberativo da PETROS, Wilson Santarosa. Estamos aguardando que o tema entre em pauta.

Todos que quiserem aderir à lista dos Pós-82 devem encaminhar mensagem para o correio eletrônico sinedino@yahoo.com.

Em breve estaremos publicando uma nova matéria sobre o assunto em nosso Blog.

Nenhum comentário:

Postar um comentário